domingo, 6 de agosto de 2017

VENEZUELA CRISE 2

Militares impedem procuradora venezuelana de entrar no Ministério Público

EFE/Miguel Gutiérrez

Um grupo de agentes da Guarda Nacional Bolivariana da Venezuela (GNB) impediu neste sábado a entrada da procuradora-geral do país, Luisa Ortega Díaz, à sede do Ministério Público (MP), pouco antes de ela ser cassada do cargo pela recém-empossada Assembleia Constituinte.

Opositora do governo de Nicolás Maduro, Ortega deixou o local após ser obrigada a se retirar poucos minutos antes de a Assembleia aprovar por unanimidade sua destituição e proibi-la de exercer qualquer cargo público.

A destituição da procuradora era um dos compromissos da base do governo à frente da Assembleia Constituinte desde que ela se distanciou do governo e começou a abrir procedimentos contra funcionários do alto escalão por diversos crimes.EFE

Nenhum comentário:

Postar um comentário