segunda-feira, 24 de julho de 2017

PARANOIAS DO KREMLIN

Spinners: uma conspiração do Ocidente contra a Rússia?

Oposição russa não perdeu a chance de satirizar o alerta contra o brinquedo (Foto: Pixabay)

O Ocidente (e os EUA, em particular) sempre foi visto pelo Kremlin como um polo de conspiração contra a Rússia. Tal desconfiança pode ser conferida em vários alertas dados pela mídia estatal russa.

Porém, o mais recente exemplo dessa paranoia é exagerado até mesmo para os padrões russos: cuidado com os spinners de mão, alerta uma reportagem da emissora estatal Rossiya 24, em referência ao brinquedo que gira entre os dedos e se tornou moda, especialmente entre estudantes do ensino médio.

Para muitos, os brinquedo é apenas uma moda ocidental destinada a se tornar mania por um tempo, para depois cair no esquecimento, como muitas outras. Mas, segundo a Rossiya 24, o brinquedo não é tão inofensivo quanto parece. De acordo com a emissora, partidos de oposição ao governo de Vladimir Putin estão usando os spinners para angariar apoio dos jovens.

“É um mistério o porquê de isso ter se tornado tão popular na Rússia neste exato momento. Quem está promovendo isso às massas de forma tão ativa?”, questiona a reportagem. Posteriormente, são exibidas cenas de um protesto contra a corrupção ocorrido em junho. Nelas, um blogueiro aparece vendendo spinners embaixo de um banner que diz “Spinners de Navalny”, em referência a Alexei Navalny, ativista político anticorrupção que se tornou ícone entre os jovens russos.

Depois, o repórter que conduz a matéria exibe outra evidência da investigação: um spinner comprado em uma loja de brinquedos infantis de Moscou, cuja embalagem contém apenas palavras em inglês. “Nem uma palavra em russo”, alerta o repórter.

A reportagem exibe comentários que apoiam a suspeita, alertando que os spinners são uma tentativa de transformar pessoas em zumbis fáceis de serem manipulados. “De alguma forma, a oposição está angariando os jovens. Aqueles que entendem de tecnologia política entendem claramente que este simples objeto está controlando as massas”, diz Ruslan Ostashko, editor chefe do site pró-Kremlin Polit Russia.

A agência de proteção ao consumidor russa Rospotrebnadzor anunciou que vai investigar a denúncia. “Houve uma agressiva promoção dos chamados spinners entre crianças e adolescentes recentemente. Levando em consideração a preocupação entre pais e professores, a Rospotrebnadzor, em parceria com institutos de pesquisa sobre a saúde infantil, vai analisar os efeitos que os spinners estão causando às crianças, incluindo um possível efeito negativo”, disse a agência em um comunicado.

Obviamente, a oposição russa não perdeu a chance de satirizar o alerta contra o brinquedo. Navalny, que jamais perdeu uma oportunidade do tipo, postou esta semana um vídeo em seu blog onde aparece girando um spinner enquanto aguarda o veredito de um de seus julgamentos. No vídeo, ele afirma que a agência de proteção ao consumidor que vai investigar o brinquedo é uma gangue de aproveitadores montada no pescoço da população.The Independent

Nenhum comentário:

Postar um comentário