sexta-feira, 28 de abril de 2017

MINERAÇÃO - Lucro da Vale sobe 25% e chega a R$ 7,891 bilhões

É o melhor resultado trimestral da companhia desde o terceiro trimestre de 2013 (Foto: Flickr)

A mineradora Vale registrou lucro líquido de R$ 7,891 bilhões no primeiro trimestre de 2017, uma alta de 25% ante o lucro de R$ 6,311 bilhões registrado no mesmo período do ano passado. O resultado trimestral, impulsionado pela maior produção de minério de ferro, é o melhor desde o terceiro trimestre de 2013. Além disso, é seu quinto resultado positivo seguido.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado da mineradora subiu para R$ 13,523 bilhões, um avanço de 82,5% em relação ao mesmo período do ano anterior, quando registrou lucro de R$ 7,41 bilhões. No entanto, o desempenho teve queda de 13,4% em relação ao quarto trimestre 2016.

A receita líquida da companhia somou R$ 26,742 bilhões no primeiro trimestre, alta de 30% ante o mesmo período de 2016. Entretanto, o resultado foi 12,8% menor que o do quarto trimestre de 2016.

Com os resultados apresentados nesta quinta-feira, 27, O diretor-executivo de Finanças e Relações com Investidores da Vale, Luciano Siani Pires, considerou que a empresa fechou 2016 “muito bem” e começa 2017 “em grande estilo”.

Além disso, o executivo também destacou que a companhia conseguiu reduzir sua dívida de US$ 25 bilhões para US$ 22,8 bilhões. “O que mostra que a companhia está em trajetória de desalavancagem e, nos próximos trimestres, com aumentos sucessivos da produção em todas as linhas de negócios, vamos atingir resultados ainda melhores”, afirmou Siani.

Produção recorde compensa vendas menores

A Vale informou que a produção de minério de ferro, sua principal commodity, atingiu valores recordes e que os preços mais altos conseguiram compensar parcialmente o menor volume de vendas sazonal nos últimos meses.

Segundo a companhia, foram produzidos 86,2 megatoneladas (86,2 milhões de toneladas) de minério de ferro no primeiro trimestre, com recorde de produção de 36 megatoneladas no Sistema Norte. Além disso, a produção trimestral de carvão em Moçambique também registrou recorde – 2,4 megatoneladas.Valor Econômico

Nenhum comentário:

Postar um comentário