quarta-feira, 23 de agosto de 2017

CAMPANHAS POLÍTICAS

Gilmar Mendes diz que há ‘sinais claros’ de crime organizado na política

Gilmar Mendes participou do Fórum do Estadão nesta segunda (Fonte: Reprodução/Estadão Conteúdo)

Em sua participação no Fórum do Estadão, evento que debate a reforma política, o ministro do Supremo Tribunal Federal e presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Gilmar Mendes, afirmou nesta segunda-feira, 21, que já há sinais “claros” no Brasil da presença do crime organizado na política, assim como acontece no México.

“O México lida com um problema seríssimo, que é a presença do crime organizado na política e nós já temos sinais disso aqui, de maneira bastante clara. Vamos querer que o narcotráfico, que as milícias, financiem as campanhas?”, questionou o ministro do Supremo.

Gilmar Mendes disse também que se houvesse uma consulta popular as pessoas se posicionariam contra o financiamento público e o corporativo das campanhas.

Ainda de acordo com o presidente do TSE, na campanha eleitoral do ano passado houve 750 mil doadores, sendo que pelo menos 300 mil não tinham capacidade financeira, o que “demonstra o uso de laranjas para doação, mas não em um porcentual baixo, um porcentual que vai a 40%, 50%”. Os números são “preocupantes”, ainda segundo Gilmar Mendes.Uol

Nenhum comentário:

Postar um comentário