segunda-feira, 7 de agosto de 2017

SAÚDE- Olhos secos merecem atenção

As lágrimas servem para várias coisas. Não é a toa que a deficiência delas traz uma série de problemas (Foto: Freeimages)

Usar uma substância chamada carboximetilcelulose de sódio nos olhos duas, três ou mais vezes durante o dia pode não parecer uma boa ideia, mas é sim. Apesar do nome estranho, os colírios com este composto (lubrificantes tópicos) ajudam o olho a não ficar vermelho nem coçando, por exemplo.

Dezenas de milhares de americanos, principalmente mulheres acima de 50 anos, têm a doença do olho seco. “Olhos secos merecem séria atenção profissional – e pessoal. Isso pode debilitar e diminuir a qualidade de vida”, diz a oftalmologista Rachel Bishop.

As lágrimas servem para várias coisas. Não é a toa que a deficiência delas traz uma série de problemas. As lágrimas lubrificam os olhos, dão nutrientes e oxigênio aos olhos, além de ajudar a focalizar as imagens.

Se a doença dos olhos secos não for tratada e for um caso severo, ela pode resultar até mesmo na perfuração da córnea.

“Nós costumávamos achar que as lágrimas eram apenas água com sal. Mas agora sabemos que há centenas de substâncias, incluindo 1500 proteínas”, explica Bishop.

As possíveis causas da doença incluem defeito na parte do olho que produz as camadas da lágrima, uma inflamação como alergia ou blefarite crônica (inflamação na pálpebra), desequilíbrio hormonal, uso de lentes de contato, deficiência de vitamina, doenças como diabetes ou artrite reumática, uso prolongado de certos medicamentos como diuréticos, anti-histamínicos e antidepressivos e danos nos nervos do olho, que podem ser causados por cirurgia a laser.

Reza Dana, professora de oftalmologia de Harvard, diz que a maioria dos casos “não é totalmente tratável com apenas uma medicação ou com uma abordagem. Geralmente, é necessário que o paciente faça várias coisas em conjunto”.The New York Times

Nenhum comentário:

Postar um comentário