sexta-feira, 11 de agosto de 2017

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Cientistas temem que Trump censure relatório climático

Documento foi elaborado por 13 agências federais dos EUA (Foto: Flickr/Gage Skidmore)

Um relatório sobre as causas e efeitos das mudanças climáticas foi colocado sob revisão pelo presidente americano Donald Trump. Elaborado por 13 agências federais dos EUA, o documento ficou pronto este ano, mas ainda não foi divulgado, pois precisa do aval do presidente para isso.

Intitulado Climate Science Special Report, o relatório aponta ser extremamente provável que mais da metade do aumento de temperatura experimentado pelo planeta nas últimas quatro décadas foram resultado de ações humanas.

“Muitas linhas de evidência demonstram que as atividades humanas, especialmente as emissões de gases de efeito estufa (captura de calor), são as principais responsáveis pelas recentes mudanças climáticas observadas. Não há explicação alternativa, e nenhum ciclo natural é encontrado no registro observacional que poderia explicar as mudanças observadas no clima”, diz o relatório.

A conclusão contraria a versão oficial do governo Trump, que afirma que a contribuição humana para o aquecimento global é incerta e alega que mudanças climáticas fazem parte de um ciclo natural do planeta.

O relatório foi assinado pela Academia Nacional de Ciências dos EUA. Porém, para que seja divulgado publicamente, ele precisa do aval de Trump. Cientistas envolvidos no relatório e outros dedicados a conter as mudanças climáticas temem que Trump venha a barrar a divulgação do documento. Até o momento, o presidente americano não retornou nenhuma das ligações ou e-mails enviados para seu gabinete até a noite da última segunda-feira, 7.The Independent

Nenhum comentário:

Postar um comentário